terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

Pãezinhos de Abóbora com Frutos Secos

O meu pai que tem uma horta à qual dedica parte do seu tempo de reformado, este fim de semana presenteou-me com uma enorme abóbora-menina. A abóbora é um fruto que eu acho paticularmente curioso pelo seu generoso tamanho e porque é muito versátil pois dele aproveita-se a casca, a polpa e as sementes. Em Portugal as abóboras mais utilizadas na alimentação são a abóbora menina e a abóbora gila.
No entanto a abóbora não é um fruto de origem europeia. Tal como muitos outros foi trazida na época das Descobertas já que é originária do continente americano, e era parte da base da alimentação das civilizações Asteca, Inca e Maia.

Em relação a esta receita devo dizer que são uns pãezinhos deliciosos, muito fofinhos, principalmente se forem consumidos no próprio dia. Depois ficam menos fofos mas não deixam de ser igualmente apetitosos. Eu utilizei uma parte de farinha de centeio mas se não a tiverem à mão podem substituir a quantidade indicada por farinha de trigo.

Ingredientes:

200 gr de puré de abóbora

100 gr de farinha de centeio

400 gr de farinha de trigo

sumo de 1 laranja

25 gr de fermento de padeiro

1 dl de óleo

2 dl de água morna

1 colher de chá de canela

1 colher de café de erva doce

50gr de passas

50 gr de nozes picadas


Preparação:
Numa tigela grande misturar as farinhas. Abrir um buraco no meio onde se deita o fermento dissolvido num pouco de água morna. mistura-se com um pouco de farinha e deixa-se repousar cerca de 15 minutos.
Depois acrescenta-se o açúcar, o puré de abóbora, o óleo, o sumo de laranja, a canela e a erva doce. Amassa-se muito bem e vai-se juntando aos poucos a água morna até que a massa forme uma bola e se despegue da tigela. Se precisar um pouco mais de farinha vá juntando ou então não adicione toda a água. Deixa-se a massa levedar para o dobro e depois volta-se a amassar mais um pouco e junta-se os frutos secos. Tendem-se pequenas bolas que se colocam num tabuleiro untado de manteiga, com algum espaço entre elas para não colarem e deixam-se levedar mais meia hora. Pincelam-se com ovo batido e levam-se ao forno a 200ºC até alourarem como na foto.


10 comentários:

Smas disse...

Ai, agora que o médico me recomendou que evitasse o pão vejo este pãozinho de abóra e fico cheia de vontade de ir a correr para a cozinha!!!!
Mas vou guardar a receita para um dia destes experimentar!!!!
Bjs

Nela disse...

Querida Amiga, que belos pãezinhos ficaram lindos mesmo, que belas mãos amiga... e sabes tb adoro tudo que leve abóbora é muito bom teres ainda pai, espero que Deus to proteja, beijinhos.

risonha disse...

ando com vontade de fazer pãezinhos de abóbora, pois também tenho uma abóbora da minha horta à espera de ser partida.

Talita disse...

Depois do bolo de abóbora que fiz e comi, acho abóbora gostosa! rs
Os pãezinhos estão lindinhos.

moranguita disse...

que lin do paozinho, ja marchava um sem problemas.
beijocas

Emília disse...

Ficaram lindos! E com certeza muito gostoso, já que veio da horta do pai!!
Beijinhos

Naninha disse...

Nada como abóbora colhida da horta, orgânica e fresca.
Lindo teus pãezinhos ficaram.
Beijos

Linda disse...

Olá!
Devem ser uma maravilha. Aproveito para desejar um feliz fim de semana e um divertido carnaval.
Beijinhos.
Linda

Anónimo disse...

Associação Nacional dos Produtores de Frutos Secos e Passados está a organizar a 24ª Feira Nacional dos Frutos Aproveitamos para informar que ainda estão abertas inscrições para expositores para exploração de tasquinhas, e para os diversos concursos.

24ª Feira Nacional dos Frutos Secos

Torres Novas

3 a 11 de Outubro de 2009

É um certame com uma vertente tradicional e cultural muito forte.

Cerca de 2 centenas de expositores de Frutos Secos, Doçaria, Charcutaria, licores, vinhos, artesanato, maquinaria, Entidades oficiais, empresas, divertimentos Exteriores e tasquinhas de gastronomia Regional.

Animação de cariz tradicional, diáriamente.

Concursos de Frutos Secos, Doçaria, montras, fotografia, Moda, mostras e provas gastronómicas e de vinhos, exposições de artesanato e fotografia.

Contamos habitualmente com cerca de 50 000 visitantes.

Horário:

Dias

3,4,10 – das 11H ás 24H

5 - das 11H ás 23H

11 - das 11H ás 22H

9 - das 18H ás 24H

6,7,8 - das 18H ás 23H

Entrada: 1 € a partir dos 12 anos


Organização:

Associação Nacional dos Produtores de Frutos Secos e Passados

Largo do Paço

2350 - 428 Torres Novas

email: anpfsp@hotmail.com

Telef/fax 248 812 910

Tlm 91 810 28 21


NOTA: Para além de algumas actividades inovadoras que vos daremos conhecimento atempadamente, informamos que pretendemos levar a efeito um concurso de moda com motivos alusívos aos Frutos Secos que culminará com um desfile das peças seleccionadas, durante a Feira. Pretende-se que os frutos secos sejam motivo para criação de peças de vestuário e a peça vencedora receberá um prémio monetário.

A VISITAR!!!!!

sofiasugarland.blogspot.com disse...

Olá, quando vi estes pazinhos fui a correr abrir uma abóbora que estava à espera de ocasião para ser aberta. Mas a sua receita têm algumas falhas, açucar não fala na quantidade pus 50gr e ficou muito sem sabor, quanto à água se coloquei 100 foi muita e mesmo assim tive que colocar mais farinha. fiquei coom pena pois de consistência achei a massa fantastica, de sabor não fosse a falta de açucar também. solução comemos com geleia de marmelo e assim comem-se bem.